1 de mar de 2010

Prece

Ai, Senhor,
Que aqui me vês -
Ou não?


Por crer não cortei o cabelo,
Por crer usei saia comprida.
Por crer atei bem o novelo
Que prende em mim minha vida.


Ai, Senhor!
Se não fores,
O que será de mim?

Terminal Rodoviário do Tietê, fevereiro 2010

Nenhum comentário: